quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

circunstâncias

Hoje não, silenciosamente aqui defronte em lugar nenhum onde ao lado do tempo frente a frente, face a face, seguramente à vontade, à toa, de mansinho, mas sim, de modo algum facilmente. Hoje em dia algures, de fora adentro realmente sem medo ainda, de repente no meio da noite adiante, quiçá um pouco de antes, um pouco de tarde, um pouco de depois.


*****************************


UM SOM!!!!!!!!!

Are You Experienced? Jimi Hendrix


4 comentários:

sandra camurça disse...

Eu amo esse Homem, linda!
Hendrix é um dos meu anjos prediletos :)
Beijos

Vais disse...

Sandrinha, eu também e ele tinha e como tinha todas as manhas

beijos, querida

Jorge Pimenta disse...

e tudo isto - a palavra, nós, a vida - na síntese de um mero acaso. seremos mesmo algo mais do que a insignificância? e se sim, sempre, ou quando as circusntâncias o determinam? - qual é a verdadeira natureza das coisas universais, afinal?
beijo beijo!

Vais disse...

uai, Jorge, se somos algo mais do que insignificantes em determinadas circunstância, acredito que só o somos e até onde temos conhecimento, somos para nós mesmos, digo nós aqui no planeta Terra, nós humanos, porque mesmo nesta nossa insignificância alteramos e mexemos nas vidas das outras vidas e drasticamente ao ponto de extinguir muitas espécies, então não temos o poder de deus?
Ai, Jorge, a verdadeira natureza das coisas universais, estamos nós aqui, um pontinho neste imenso universo em ciclos ciclos e mais ciclos

beijos querido moço