segunda-feira, 27 de junho de 2011

e voltam

os sonhos

Num movimento de rotação
rodopio ante o impacto dum jato d’água:
tamanho natural
A mangueira a mulher a tinha segura nas mãos
Em pêlo a parede ampara-me
Água racionada.
Sêde tenho.
Alguém num canto morre por tudo
A terra:
Sêca, dura, torrões formam-se
” Reguem-me, frutifiquem-me, reproduzam-me, colham-me,
pois se assim for, serão compensados .”

(2001)

##############################

Fazer retas sucintas...
Soldados senhores guardiães
permanecem na guarita.
E do lado de fora alguns estão...
Nua,
e tão nua escondo-me
Barram-me a entrada
- Gosto das alturas!
- Vim aqui escrever sonhos!
O lago das águas, absorvente das cores,
estendia-se...
Assim como estava, aguardava repreendida,
quando colocaram-me panos.
E a noite densa guardava a torre
'Um primo já morto dizia-me ter derramado lágrimas'
Enquanto esperava terminarem as conversações
Para as permissões, as embarcações...
Admirava serena a quietude e escuridão do lago
E pensava no porquê de estarmos ali
E no que faríamos dali por diante...
Sem estacas, cruzes, réstia
Ou mesmo a dita água-benta
Os vampiros da Noruega sabiam que chegaríamos.

(2001)

7 comentários:

Roy disse...

Arrepios, Vais, rs...

Bjx

Roy

Vais disse...

Ei, Roy,
dão arrepios por aqui também
inté
beijo

Cris de Souza disse...

benza, zeus!

beijo.

OutrosEncantos disse...

"e voltam os sonhos"

que poema fantástico...
e as imagens que as metáforas desenharam...

aqui tudo vai mesmo até às últimas consequências, n'é moça?! :))

beijooo.

Vais disse...

Tá bento, moça Cris-tal :)
beijinho


************

Olá, moça destes e outros encantos, seja bem vinda neste ao sabor até às últimas...
grata pela visita e palavras.
tenho verdadeira fascinação por sonhos, os sonhados quando nos braços de Morfeu, às vezes passo alguns para o papel como estes dois.
volte sempre que rolar, será um prazer
beijocas pra você

sandra camurça disse...

"gosto das alturas!
vim aqui escrever sonhos!" que lindo, moça! isso é você, todinha :)
Beijos, querida

Vais disse...

Sandrinha,
gosto de você :o)
beijos queridona hermana