segunda-feira, 3 de março de 2008

lixarte, restarte

O que seria o humano se não fossem as artes?
A transformação da matéria
A eternização – enquanto durar – do momento
da imaginação
o surrealismo
a precisão de externar
o belo, o grotesco
a angústia, os prazeres,
os encantos, as guerras
a denúncia das atrocidades
a busca da liberdade

Um som pra fazer arte. É de um cd que faz parte destas coleções com os livrinhos do folclore brasileiro e cd. Um ótimo presente ganhado da Dona Salete ou, para as meninas, Vó Salete.
As canções: No jardim de belas flores; Hoje eu vi um leão; Boi Barroso; Prenda minha; Eu queria ser balaio; Ai, bota aqui o seu pezinho; Os olhos de Marianita; Rema na canoa; Camaleão; Capelinha de melão; Cana verde, A menina e a figueira.

Reutilizar

Consiste em dar novos usos a materiais que muitas vezes são considerados inúteis e jogados fora.
O que posso fazer para REUTILIZAR?
O exemplo mais clássico de reutilização é usar o verso do papel impresso como papel de rascunho. Mas existem muitas formas de reaproveitar o papel, basta ter criatividade!


Na ilustração ao lado, por exemplo, vemos um rapaz confeccionando uma cestinha com papel de jornal! Aliás, as publicações antigas são ótimas fontes de diversão educativa para crianças. Deixe-as desenhar nos jornais, fazer colagens com revistas velhas, aprender dobraduras ou até inventar sua própria brincadeira!
Mas não é só o papel que pode ser reutilizado. Potes de plástico, vidro ou até de metal podem ser lavados e usados para guardar alimentos ou objetos. Latinhas de refrigerante podem virar porta-lápis. Embalagens longa vida podem virar vasinhos de plantas. Garrafas PET podem virar uma infinidade de coisas: porta-lápis, vasinhos de plantas, pesos de papel, bijuterias, castiçais, etc.
Peças eletrônicas, cds estragados, retalhos de pano ou papel, tampinhas de refrigerante, papelões, isopores, praticamente todo tipo de material pode virar outra coisa – útil, divertida ou apenas decorativa – quando se usa a criatividade.
Desde que em bom estado, até restos de alimentos podem ser reutilizados! Tortas de legumes com as sobras da salada e bolinhos com as sobras do arroz são apenas as opções mais tradicionais. Experimente fazer um belo suco de casca do abacaxi ou utilizar talos de verduras em tortas ou sopas.

6 comentários:

sandra camurça disse...

Vais, querida,

grata pelo último comentário lá no refúgio. adoro suas postagens conscientes. Você é uma mulher arretada!

Beijo grande.

Moacy Cirne disse...

O QUE SERIA DA HUAMNIDADE SEM A ARTE: vijando em seu texto, eu me faço algumas perguntas. Sem esperar por respostas. Seria a galinha um peixe surrealista? O que fazer com a busca da liberdade num horizonte de laranjas? O belo é uma janela grotesca que pretende ser a eternização do momento? A angústia é a cor dos deuses barrocos?

Sombra do Sol disse...

Olá boa noite, nossa árvore de amigos continua proporcionando bons frutos, e certamente sentindo sua falta, pois você contribuiu com a boa colheita, pois nesse mundo virtual o que importa não é a beleza externa, e sim aquela que brota no coração, e seja adubada com a amizade e a união de todos nós. Nossa árvore está participando do concurso destaque, é só um clik no atalho e votar no painel nº 1(um) agradeço antecipadamente. Fique em paz e com Deus, tenha um seguimento de semana com muita paz, saúde e luz. Abraços do amigo.
http://fribeiro1953.sites.uol.com.br/blog/destaqnet.html

Jens disse...

A humanidade sem arte? Sem sol, sem graça, um tédio - mais ou menos como estou me sentindo hoje.
Bj.

Jens disse...

Oi Vais.
Passei pra deixar um beijo e um abraço pelo Dia Internacional da Mulher.
Inté.

Declev disse...

Parabéns pelos escritos...

http://hebdomadario.com