domingo, 7 de outubro de 2012

elucubrações

a coruja


Creio no ciclo do ar e tudo seria como folhas ao vento, não fossem elas caírem anunciando o inverno.
A música assume vários papéis, um universo rico da dialética, uma arte cantada, clamada, no entanto, poética versus cifrões.
Nem sempre jogamos palavras somente ao vento.
Minhas cordas vocais vibram no seu ouvido.
Um canto da história feita, imaginada, da história que se quer deixar.
Minha cabeça dá rodopios.
Como pode ser se não sou coruja, mas mesmo assim:
Roda gira
Gira roda
Escrevi uma vez:
Era uma vez muitos animais, muitas flores, e também, muita gente, muita gente, muita gente
Será possível o animal racional?
Será possível o animal entender?
O dinossauro morreu e de nada entendia
E entendia de nada
Mas mesmo assim:
Gira roda
Roda gira

Who I am? Quem sou eu? ¿Quién soy yo?

(2003)



uma variação
a coruja(no paint net)



O Som!!!!

Mercedes Sosa & Horacio Guarany- Si se calla el cantor


imagens que usei: net 

5 comentários:

sandra camurça disse...

Lindo! lindo! as corujas, o texto, a Mercedes! "roda gira gira roda", fiquei imaginando a coruja girando a cabeça, rs... tbm lembrei de Roda Viva do Chico: "...roda mundo, roda gigante/roda moinho, roda pião/
o tempo rodou num instante
/nas voltas do meu coração...".

Moça, tou aqui na maior ansiedade pelo resultado das eleições, torcendo pelo segundo turno entre o candidato do PSB e Humberto Costa do PT(o melhor candidato). Tou torcendo pelo Patrus, viu?

Beijão!
Ah, quem és tu, és uma linda!

Vais disse...

Grata, querida hermana
adoro esta música do Chico

Ai,Sandrinha que triste, que triste
teremos aqui mais 4 anos, é a vitória do empresário, da direita de Aécio, terrível, muito triste
:´((
e vocês aí, o psb ganhou também no primeiro turno

tu também é linda
beijo no ♥ doce Sandrinha

Assis Freitas disse...

"quando acordou o dinossauro ainda estava ali"
Augusto Monterroso

beijo

LauraAlberto disse...

as coisas fantásticas a que tu dás luz, muito bem

beijo

Vais disse...

e que visão, Assis

beijo também


***********

grata, querida Laura

beijo também